O SEU JORNAL ON LINE: Email: portaldojunnior.blogspot.com



A SUA VISITA NOS ENGRANDECE

´Email: portaldojunnior@gmail.com: WhatsApp : 86- 99126969

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

NOTÍCIA DE CODÓ - MA

COLUNA DO RENAN TEXEIRA

               
@- Por ordem judicial, as festas de final de ano no município de Codó (terra do macumbeiro Bita de Barão), no Maranhão, terão horário limitado (só poderão se estender até às 2h da madrugada). A exceção é apenas para a noite de reveillon, que pode se estender por mais uma hora, devendo terminar às 3h da madrugada. A decisão vale para todas as festas realizadas de dezembro de 2011 a janeiro de 2012 em todo o município.
A justiça tomou a decisão depois que a Polícia Militar do Maranhão, solicitou, ao Ministério Público do Estado, a limitação do horário das festas, alegando que a violência está muito grande na região.
O major Jairo Xavier, comandante do policiamento militar na região, explica que fez o pedido porque na medida em que o horário das festas vai se prologando, vai também aumentando o número de ocorrências policiais.

@- O conhecido Bita de Barão, não deve está ligando para essa ordem de parar as festas às 3 horas da manhã, pois  o pai de santo só passa seu reveillon na praia de atalaia em Luis Correia com seu seguidores, comentou pé de pano.


                                                         major Jairo Xavier.

@- Na imagem o conhecido pai de santo Bita de Barão do Codó.
@- Há comentários que o Bita é quem faz a família Sarney ganhar as eleições no Maranhão.


@- Na imagem as seguidoras de Bita em seu salão de operação fazendo algum despacho, eita!




Bita do Barão aconselha a Sarney: "Banque o duro"

Claudio Leal
Os mistérios mais impenetráveis do senador e ex-presidente da República José Sarney podem não estar nos escaninhos dos atos secretos, no Senado. Em Codó, no Maranhão, o pai-de-santo Bita do Barão, 93 anos, encerra em muralhas de reticências os segredos espirituais de uma das carreiras políticas mais longevas do Brasil.
Comendador da República condecorado por Sarney em 1988, o pai-de-santo de terecô Wilson Nonato de Souza se fez Bita do Barão "tanto na linha branca como na linha negra". Na cidade com brumas de enigmas, a 300 km de São Luís, a religião de origem africana, mais próxima da Umbanda, cativa políticos e artistas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário